Google+ Followers

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

O que você precisa saber sobre o azeite

O que Você precisa saber sobre o azeite


Nestes últimos tempos, quando a população mundial tem sofrido tanto com tantas qualidades de doenças, muitas delas degenerativas, tem se falado muito sobre uma dieta saudável para alcançar uma boa qualidade de vida. Mas ainda não é o suficiente. É necessário que se conscientize a população, informando mais sobre o valor de determinados alimentos e sua importância para a saúde das pessoas.
Hoje vamos falar do azeite e sua importância a partir de uma série de artigos, para que você saiba como é fácil se prevenir e viver uma vida saudável.

O Azeite e sua origem

O Azeite, produto alimentar de origem milenar, advindo das oliveiras, muito usado na culinária contemporânea até os dias de hoje, acrescenta às refeições sabor e aroma muito peculiar. O Azeite é usado e comercializado pelos povos há aproximadamente 6000 mil anos.
Em Portugal a referência à oliveira é muito antiga. O Azeite foi um dos primeiros produtos exportados por Portugal. Hoje, Portugal consome 78 mil toneladas de azeite e exporta 58 mil.
Já o Brasil é o  o sétimo importador mundial de azeite, e o segundo de azeitona.

Curiosidades


Você sabia que são necessários de 1300 a 2000 azeitonas para conseguir uma produção de 250 ml de azeite da oliveira e que este deve ser produzido a partir de métodos mecânicos e de temperatura?
O Azeite de Oliveira Virgem apresenta acidez máxima de 2%.
O Azeite de Oliva refinado é produzido através da refinação do azeite e pode ser misturado 
O Azeite extra virgem não passa de 0,8% de acidez e não pode apresentar defeitos.
O azeite de oliva comum é obtido através da prensagem das azeitonas é inadequado ao consumo 
e não possui regulamentação.

Dicas para consumir o Azeite com qualidade

A seguir, algumas dicas para serem observadas antes de consumir o produto:
Ao consumir o azeite, observe bem o seu prazo de validade, pois o mesmo  deve ser consumido em 12 meses da sua fabricação.
Observe bem qual a sua acidez, quanto menor, melhor será o azeite. 
Normalmente o azeite extra virgem tem a acidez máxima de 0,8% e é utilizado em molhos e saladas, o virgem fino tem acidez de 1,5% e também é utilizado em molhos e saladas. Os demais tem a acidez variadas entre 2 e 3% e são utilizados em saladas e frituras.
Ao comprar o azeite extra virgem, procure azeites engarrafados em embalagens escuras, uma vez que a incidência da luz cataliza a oxidação do produto. A luz, o calor e o ar são altamente prejudicial ao produto. Portando evite a sua exposição à luz. Os bicos dosadores também facilitam a oxidação do produto. Após a 
sua abertura, é aconselhável que se consuma o azeite o mais breve possível; portanto é melhor que suas embalagens sejam pequenas.

Benefícios do Azeite para a saúde

São vários os benefícios do azeite de oliva para a saúde a saber:
Redução do nível de colesterol LDL (Mau colesterol) do organismo. 
A grande quantidade de gordura monoinsaturada não deve se transformar em colesterol e o azeite contribui 
para isso.
Redução do risco de infarto ou AVC, pelo que o azeite reduz a formação de placas nas pardes dos vasos sanguíneos.
Reduz a a formação de radicais livres ( também chamados de oxidação biológica e são responsáveis pelas doenças degenerativas, como por exemplo o câncer e pelo envelhecimento).
Os povos das regiões do mediterrâneo tem vida mais saudável por serem consumidores do azeite de oliva e outras substâncias de dieta saudável, como peixes e verduras.